sábado, 23 de fevereiro de 2008

Canto dos passáros


A alma da Música nasce do espírito e sua mensagem brota do Coração.

A canção dos pássaros desperta o Homem de sua insensibilidade, e o convida a participar dos salmos de glória à Sabedoria Eterna, que criou a melodia de suas notas.

Tal música nos faz perguntar a nós mesmos o significado dos mistérios contidos nos velhos livros.

Quando os pássaros cantam, estarão chamando as flores nos campos, ou estão falando às árvores, ou apenas fazem eco ao murmúrio dos riachos? Pois o Homem, mesmo com seus conhecimentos, não consegue saber o que canta o pássaro, nem o que murmura o riacho, nem o que sussurram as ondas quando tocam as praias vagarosa e suavemente.

Mesmo com sua percepção, o homem não pode entender o que diz a chuva quando cai sobre as folhas das árvores, ou quando bate lentamente nos vidros das janelas. Ele não pode saber o que a brisa segreda às flores nos campos.

Mas o coração do homem pode pressentir e entender o significado dessas melodias que tocam seus sentidos. A Sabedoria Eterna sempre lhe fala numa linguagem misteriosa; a Alma e a Natureza conversam entre si, enquanto o Homem permanece mudo e confuso.


~ Gibran Kahlil Gibran ~
obs:
Imagem do site da Rádio USP, onde também podem ouvir os cantos dos mais variados passaros.

14 comentários:

Irmão Sol, Irmã Lua disse...

Mari,
Acredito que tudo na natureza nos fala de Deus e procura nos mostrar que a vida é mais que os nossos desejos e preocupações do dia a dia.
Carinho,
Benjamin.

Carol Timm disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carol Timm disse...

Querida Mari,

E porque não entendemos (mas sentimos) é que talvez o contato com a natureza nos faça tanto bem...

Nosso ar se renova em meio às árvores, nossa vida se amplia diante do mar e temos muita alegria ao ouvir o canto de um único passarinho.

A natureza é nossa verdadeira CASA e deveríamos ter sempre muito amor e cuidado com ela.

Beijos,
Carol

Eternessências disse...

"Mari", querida:
Quando tivermos "olhos de ver e ouvidos de ouvir", saberemos que tudo , na Natureza, é conexão; que nós próprios somos a Natureza. Aí, então, seremos plenos, harmonizados com o Criador da Vida...
Um beijo carinhoso!
Rose.

Ela disse...

Sim, a vida e tem um tanto de mistério.
Ao canto dos pássaros, a lua , as árvores, as pessoas, tudo nos fala. Basta ouvir!

Gabriel disse...

Existem coisas que foram feitas não para que pudessemos entender, mas para que pudessemos, acima de tudo, sentir! Acho que é isso que acontece quando ouço o barulho do mar, o canto dos pássaros, as várias cores do mundo.

Beijos!

Sheila disse...

Minha prima querida! Os textos de seu blog têm a sua essência...Sempre tão doces e cheios de poesia...Assim como vc!

Acredito que Deus nos fala através da natureza...O céu, o mar, o canto dos pássaros e, enfim, toda a grande obra da criação é o espelho da face Divina. Que bom que existem pessoas como vc que possuem a sensibilidade de apreciar esse espelho e se enxergar nele.

Um beijo saudoso!

Hay disse...

Querida Mari,

Linda escolha.
Quando o ser humano descer do seu pedestal de ser superior, fechar seus laptops, e reaprender a verdadeira reintegração com a natureza, donde um dia partiu, e nunca mais a entendeu ou compreendeu, dificilmente esse canto lhe dirá algo. Como diz a Rose, essa conexão foi rompida...

“Não nos perguntamos qual o propósito dos pássaros cantarem, pois o canto é o seu prazer, uma vez que foram criados para cantar. Similarmente, não devemos perguntar porque a mente humana se inquieta com a extensão dos segredos dos céus... A diversidade do fenômeno da Natureza é tão vasta e os tesouros escondidos nos céus tão ricos, precisamente para que a mente humana nunca tenha falta de alimento.”
Johannes Kepler

Beijos Carinhosos,
Hay

casualeblog disse...

Mari (já estou íntima!),
será que algum dia os homens conseguirão essa harmonia e cumplicidade com a natureza?
Como gostaria que a resposta fosse positiva...
Beijos, Mel

alex disse...

Oi Mari! Aos poucos vou botando a casa em ordem e voltando à casa dos amigos! Lindo post! Como não sentir a presença da Consciência Cósmica na natureza?

Sabrina disse...

Pois isso é uma das expressões divinas que faz sua magia invisível... e para entendê-las, só abrindo os olhos do coração :)))

Obrigada pelo seu carinho, suas palavras e o seu aconchego lá no Jardim :)

Bejinhos no seu coração e que o seu fim de semana chegue iluminado de amor ;***

Edna Battaglini disse...

Olá Marilac

achei o texto de uma sabedoria enorme, fez-me lembrar do meu encantamento em relação a natureza,me sinto como parte dela, engraçado que desde muito cedo, enquanto minhas amigas queriam bonecas, eu olhava para o céu e ficava pensando...pq não tenho um rio só para mim? ou por que no tenho no teto do meu quarto
estrelas? queria ir a lua, queria além de formar figuras com as nuvens, tê-las junto a
mim, fazer delas colchões figurativos, que seriam plumas de algodão...quantas vezes chorava por não tê-los, por não sentí-los "in loco" - enquanto ia tornando-me adulta, a percepção me fez sentir, que eu tinha tudo que queria, que eu tinha olhos para sentir as árvores chorar, que eu tinha a sensibilidade de ouvir ligeiros gemidos logo pela manhã,
ao observar,ainda orvalhadas,o desabrochar das flores que minha mãe cultivava, olhos esses
que me tornaram hoje a pessoa que sou, quando vejo um pássaro, parece que sei o que dizem, dizem o que eu quero ouvir naquela hora, já ouvi gritos, sussurros de alento,palavras que me confortaram, palavras de mistérios me fazendo questionar tantas coisas...sou alma, meu lado demasiadamente humano acho que não existe, e como as almas pagam um preço alto por ouvirem a voz do vento e estarem ligadas a essas pequenas coisas...

-
Fez lembrar-me de algo, de uma música que faço questão em deixar aqui, a letra tem uma pureza, digamos, quase que singela, se me permmite, aqui está:


O Rouxinol

Rouxinol tomou conta do meu viver
Chegou quando procurei
Razão pra poder seguir

Quando a música ia e quase eu fiquei
Quando a vida chorava mais que eu gritei
Passaro deu a volta ao mundo brincava

Rouxinol me ensinou que é só não temer
Cantou se hospedou em mim
Todos os pássaros, anjos dentro de nós


Milton Nascimento

vc nem imagina o
quanto essa música me ajudou(queria deixar aqui a mids, para que vc possa ouvir, tentarei vejamos se funciona:

(Tomarei essa liberdade)
se não entrar vale apena copiar e colar para que ouça, vai gostar muito, a sintonia com a vida, figurativemente ligada ao Rouxinol, é de causar emoções...
(ainda vez ou outra me pego emocionada qdo a ouço)

http://www.atrevidoemalukinha.com/amusicasx/MUSICAS33/MiltonNascimento_O_Rouxinol.mid

Eternessências disse...

"Mari":
Tem tarefa pra você lá no Eternessências...
Saudadona!...
Beijo!
Rose.

Andrea disse...

Oi Mari!

Adoro Gibran!
Lindo texto.
Bjs.