sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Reflexão


Ninguém muda ninguém;
ninguém muda sozinho;
nós mudamos nos encontros.

Simples, mas profundo, preciso.
É nos relacionamentos que nos transformamos

Somos transformados a partir dos encontros,
desde que estejamos abertos e livres
para sermos impactados
pela idéia e sentimento do outro.

Roberto Crema

9 comentários:

Eternessências disse...

Saudade de você, "Mari"!
Estas reflexões reforçam as meditações que, ora, faço.
Encontros verdadeiros são muito importantes realmente e nos ajudam a crescer se estamos abertos a isso.
Agradeço a Deus os belos e inesquecíveis encontros que tenho tido na vida!...
Alguns, tão significativos, que me têm sido faróis à navegação!...
Agradeço pelo encontro com seus "SENTIMENTOS E PALAVRAS" que me recebeu com tanto carinho!...
Deus a envolva em Alegria e Esperança!
Um beijo, querida!
Ternura,
Rose.

Eternessências disse...

Gostaria de complementar o comentário que fiz acima, dizendo que a imagem que você selecionou para o "post" é linda! Muito semelhante à paisagem de um sonho especial que tive há algum tempo atrás... Um sonho muito espiritual, cheio de ensinamentos que guardei ,com cuidado, na alma...
Parabéns pela escolha!
Beijo!
Rose.

Carol Timm disse...

Querida Mari,

Nosso encontro me mudou para melhor, pois sua amizade e companhia trouxe mais cor e alegria na passagem dos dias.

Obrigada por me trazer fazer mudar através da sua palavra amiga.

Beijos,
Carol

Saramar disse...

Certíssimo!
É com o outro que aprendemos e somos melhores sempre.
Mais pobres são as pessoas impermeáveis que não conseguem sonhar junto com as outras.

beijos

Andrea disse...

Olá!
Concordo contigo. Acredito que a vida está sempre em transformação e só podemos realmente viver plenamente quando nos damos conta disto. É bom encontrar pessoas como vc que compartilham das mesmas idéias. Acho que quem não se abre para ser tocado pelo outro esta sempre está sempre na superficialidade e portanto, longe da sua essência.
Bjs, bom final de semana!!!!!

Ela disse...

Toda mudança é interna, e portanto torna-se dispensável, tentar mudar o outro.
Eu acredito muito no milagre da metamorfose, quando a gente finalmente... vai ficando melhor.



Abraço querida!

R Lima disse...

É preciso que a força da mente se pronuncie.. pq de fato ninguem muda ninguem e ninguem muda sozinho do nada.. sem o bom uso do querer.

Abçs,




Texto de hoje: cErTeZa...

Visite e Comente... http://oavessodavida.blogspot.com/

O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

Eternessências disse...

"Mari":
Ainda não visitei a Itália, mas sinto-a em minh'alma de tal forma, que chega a doer... É um sonho que pretendo, com as bênçãos de Deus, realizar um dia. Ando me preparando para isso. Começo, neste ano,um curso de italiano,para sistematizar os conhecimentos desta língua, que já estudo por conta própria há algum tempo.
Gostaria também de acrescentar um dado que, talvez, você não tenha notado na tela dos barcos lá no "Eternessências..." - a ponte. Você conseguiu visualizá-la? Achei fantástica a técnica do pintor!
Mais carinho e desejo de um início de semana tranqüilo e cheio de ânimo!
Beijo!
Rose.

Gabriel disse...

Hegel chamou isso de dialética, e eu concordo muito com esse cara: um rio e um homem, após se encontrarem, nunca mais serão os mesmos: o homem mudou o rio, o rio mudou o homem. E é essa a beleza de quando nos permitimos à esses encontros...

beijos!