sexta-feira, 14 de março de 2008

Procura da Poesia



PROCURA DA POESIA


Penetra surdamente no reino das palavras.
Lá estão os poemas que esperam ser escritos.
Estão paralisados, mas não há desespero,
há calma e frescura na superfície intata.
Ei-los sós e mudos, em estado de dicionário.
Convive com teus poemas, antes de escrevê-los.
Tem paciência se obscuros. Calma, se te provocam.
Espera que cada um se realize e consume
com seu poder de palavra
e seu poder de silêncio.
Não forces o poema a desprender-se do limbo.
Não colhas no chão o poema que se perdeu.
Não adules o poema. Aceita-o
como ele aceitará sua forma definitiva e concentrada
no espaço.

Chega mais perto e contempla as palavras.
Cada uma
tem mil faces secretas sob a face neutra
e te pergunta, sem interesse pela resposta,
pobre ou terrível, que lhe deres:
Trouxeste a chave?


Carlos Drummond de Andrade
(Postei apenas trechos desse lindo poema )
************************************************************************
A Carol nos lembrou que hoje é o dia Nacional da poesia, aproveito para agradecer a todos vcs :
Carol, Hay, Gabriel, Ana, Nana, Edna, Catia, Rose, Benjamim, Sheila, Alex, Mel, Karina, Saramar, Andrea, Ceiça, Dany, Fabiano, Rogério,Mônica Montone , Sabrina, Mônica, Mira, Adelaide, Mi, Edson,Julia e Ana Isabel por preencherem meus dias de beleza e poesia!!!!

12 comentários:

Carol Timm disse...

Querida Mari,

Eu também só tenho a agradecer a você e tantos amigos por esse delicioso convívio fraterno e poético que a blogosfera nos permite.

Eu que fiquei emocionada com suas palavras na minha casa... os poemas ficam órfãos quando não encontram leitores que os aquecem e dão vida.

Obrigada!

Beijos e um final de semana cheio de poesia para nós!
Carol

Lenissa disse...

Oi Mari
Obrigada por sua visita no Centelhas, o carinho dos amigos deixa o cantinho ainda mais especial!
Beijos

Adoro Drummmond, acho que até o 'bom dia' dele devia ter um tom especial! rsrsrs

Irmão Sol, Irmã Lua disse...

“O amor é mais precioso que a vida; e a honra, mais preciosa que o dinheiro; porém, mais preciosa que ambos é a palavra.” (Herbert Spencer).

Mari,
Grato por seu carinho e por seu afeto. Poder conhecê-la foi um presente de Deus.
Lamento por sua priminha, toda a dor sempre nos trás lições e nos faz mais fortes para enfrentarmos as adversidades da vida. A perda de um ente querido é sempre difícil, mas a certeza que trás no coração já a consola, pois sua fé é grande. Deus a abençoe!

Carinho sempre,
Benja.

Ela disse...

olaaaaaaa
Que saudade
Amei ver meu nome ali.

Nem sou poeta , mas tenho orgulho de ser reverenciada como sua amiga.
Estou em um intensivo de 12 dias de curso, nunca estudei tantoooooooooooooo.Mas estou faceira.

Segunda volto a ativa.
Grande abraço

Kalar disse...

This comment has been removed because it linked to malicious content. Learn more.

FINA FLOR disse...

meniiiiiiiina, se não venho aqui até esqueço da data!

e poxa, que fofa me incluir entre os amigos que versam!!! obrigada!

beijos e bom domingo,

MM.

ps: finalmente consegui te linkar =]

Andrea disse...

Oi Querida!

Realmente dei uma sumida. Problemas...que espero poder solucionar em breve.
Mas, me conforta contar com a tua amizade. Em breve vou colocar alguma coisa lá no bailando.
Bjs, boa semana p/ ti.

Sabrina disse...

Que lindooo... estou até arrepiada, pois vim aqui exatamente para agradecer a você, por tanto carinho...

E lendo o seu post, fico duplamente feliz or nos encontrarmos na sintonia da gratidão... não é lindo?

:DDD

Beijinhos de luz e que seus dias transcorram com o coração em paz e harmonia

Georgia disse...

Oi vim agradecer a sua visita.

A vida bem que poderia ser mais poesia ao invés de guerra, nao é mesmo?

Abracos

adelaide amorim disse...

Obrigada pelas palavras queridas, Mari.
Espero que sua Páscoa seja cheia de alegria e amor.
Beijo com carinho.

Eternessências disse...

Obrigada por me lembrar neste dia!...
Na POESIA nos encontramos porque ela tem o tom da vida!...
Que o nosso viver tenha ritmo,entoe melodias diversas e possa ser uma experiência de revelar as coisas mais simples - as mais belas e duradouras...
Carinho,
Rose.

MIster Teles, o Musical disse...

Eu é q agradeco encontrar uma alma tao sensivel nesta blogsfera, beijao pra vc e mto obrigado sempre pelo carinho! Fabiano